quinta-feira, 3 de julho de 2014

Dois Sentimentos



O que posso dizer desta solidão
se é a saudade que me acompanha
dois sentimentos nesta grande imensidão
que dentro do meu peito se faz tamanha.

Cada um desses dois sentimentos
trazem consigo, situações bem diversas
fica difícil de conhecer tais pensamentos
como fazer, se acontecem tão divergentes.

Uma mistura de tanta complexidade
que por vezes, invade minha intimidade
trazendo-me parar a vida esta realidade.

Já não sei se são sonhos ou ilusões
este meu Mundo já tem tantas confissões
apenas sei, minha vida, é cheia de emoções.

Celso Ant. Dembiski

Nosso Mundo



Nosso mundo é tão belo e grandioso
que nos faz repensar, cada instante
das nossas vidas. Principalmente
quando nos sentimos fracos e infelizes.

Dos desgostos e derrocadas acontecidas
certamente, nos servirão de aprendizado,
lições para nossas vidas. Aonde iremos
conhecermo-nos, pela força da superação,
driblando todas essas atribulações.

E em cada um desses momentos,
quando a situação for enfrentada
tentando ser resolvida. Pode-se considerar
um passo dado, um degrau galgado,
para o conhecimento e aprendizado.

Aonde, poucos de nós conseguirão
entender, a cada um desses
momentos e cada um há seu tempo,
tornando-nos pessoas melhores,
quando descobrimos que o nosso Mundo
é cheio de magia e encantos
ao partilharmos o amor que sentimos.

Celso Ant. Dembiski

Esse Teu Jeito



Esse teu olhar me devora
sem dó penetra em meu ser
meu peito não agüenta e chora
por vezes, ficando sem entender.

Com este teu gingado me encanta
leva-me a sonhar acordado
pois, nada que escutares te espanta
sabendo deste coração enamorado.

Explode uma alegria desmedida
nem por isto sente-se arrependida
por que a recíproca e verdadeira.

Os arrepios, já não podem ser contidos
tamanha é à força desta atração
que o corpo todo, entra em ebulição.

Celso Ant. Dembiski

quarta-feira, 25 de junho de 2014

Amanhã Talvez



Amanhã talvez, com mais calma
possamos conversar tranquilamente
expondo todos os nossos problemas
que se amontoaram por tanto tempo.

Amanhã talvez, com mais alegria
possamos aproveitar o espetáculo
que o dia promete ser contagiante
divertindo e contagiando sem medo.

Amanhã talvez, com mais coragem
possamos acreditar que é possível
concretizar nossos sonhos ousados
que guardados se fazem pertinentes.

Amanhã talvez, com mais amor
possamos enfrentar as dificuldades
que nos separam dos entendimentos
e venha nos unir como casal perfeito.

Amanhã talvez, com mais carinho
possamos compreender um ao outro
que somos pessoas bem diferentes
mas, únicas e juntas, amadas seremos.

Celso Ant. Dembiski

A Morte



A morte acontecerá um dia
dela eu sei que não escaparei
é o destino que um dia terei
e não verei esta luz que irradia.

Estou em um tempo transitório
que agora eu só venho aprender
cumprir essa missão, ei de vencer
nada disso será registrado em cartório.

Minha personalidade é apenas minha
igual, com certeza ninguém pode ter
e o que fizer, só eu posso se arrepender.

De tudo que eu fizer nesta vida
a única certeza que tenho, é a morte
um dia chegará, e que o amor conforte.

Celso Ant. Dembiski

Bucólica, Adormecida



Quando estou a caminhar
sigo sempre em frente
buscando algum lugar chegar
ao encontro do meu destino
assim, não devo me preocupar
devo apenas, seguir tranqüilo
sem me preocupar com o tempo
esperando a tarde terminar
sentindo a brisa mais fresca
no poente o sol vai deitando
fazendo com que a noite chegue
trazendo consigo a bela lua
com meus passos vou seguindo
admirando a paisagem mudando
que parecia alegre e com vida
agora, torna-se bucólica
ficando assim, adormecida.

Celso Ant. Dembiski

sábado, 3 de maio de 2014

Preciso Mudar



Ando muito angustiado
dopado nos sentimentos
desiludido pela vida
que fico tão a deriva
minhas vontades são tantas
que nada sai do lugar
tamanha é minha desilusão
fico assim, no meu canto
remoendo toda essa tensão
não encontro alguma saída
tenho então, muitas recaídas
que já nem sei o que pensar
precisando com isso acabar
e deixar o sofrimento passar
acabar com este desânimo
o astral eu preciso levantar
só que não sei como fazer
nem quando isto vai acontecer
para que eu possa melhorar
e apenas de mim vai depender
a verdade é, eu preciso mudar.

Celso Ant. Dembiski

Meus Olhos Verdes



Estes meus olhos verdes
provocam olhares inquietos
que me deixam encabulado
ficando um tanto intrigado
provocando desejos diversos.

Estes meus olhos verdes
parecem ser esmeraldas
cativantes ao serem olhados
buscam ser conquistados
por outros olhares desejados.

Estes meus olhos verdes
até me causam embaraço
quando olham uma beldade
seu brilho torna-se eminente
mostrando ter algum interesse.

Estes meus olhos verdes
são de um grande fascínio
que num encanto profundo
buscam querer te conhecer
através dos olhos que me vê.

Celso Ant. Dembiski

Arte de Ler, Pensar e Escrever



Às vezes brinco de escrever
por mais que tente apenas ler
os meus próprios pensamentos
que os deixo, libertos para voar
nem sempre consigo captar
tudo o que eu bem gostaria
são tantas coisas para entender
que por vezes, estou a me surpreender
tamanha é a rapidez dos acontecimentos
e me perco, por onde recomeçar
tentando ler o que já não lembro
assim, se vão meus pensamentos
que por alguma ordem, esqueço
lá se foram, perdi meu recomeço
e se não fosse esse meu brincar
jamais, eu poderia de tudo lembrar
coisas que acontecem de momento
e tão cedo não vai voltar a acontecer
a não ser, que nunca eu deva parar
dessa gostosa brincadeira de escrever
ler e pensar completam esta arte.

Celso Ant. Dembiski

sábado, 11 de janeiro de 2014

Esse teu Beijo



Esse teu beijo
como é que vai ser
pois é tão desejado
quando vai acontecer
estou louco a querer.

Esse teu beijo
qual o sabor que tem
será de fruto instigante
ou do mel mais doce
qual paladar descobrirei.

Esse teu beijo
tanto me leva a loucura
como ele será dado
recatado, com muito carinho
afogueado, no sabor do pecado.

Esse teu beijo
libertará do meu martírio
que sufocado nas entranhas
precisa ser liberado
com suave toque dos lábios.

Esse teu beijo
é tudo o que mais quero
logo ele tem que acontecer
senão, até poderei te esquecer
e meu amor, por ti morrer.

Celso Ant. Dembiski

Aprendizado do Tempo



Todo cuidado é necessário
seja em qual instante for
tristezas e aborrecimentos
sempre irão acontecer
como a felicidade e alegria
são momentos a serem vividos
que se fazem tão necessários
aprendizado que não se esquece
e será vivido a qualquer tempo
seja ele qual for, isto não importa.

Celso Ant. Dembiski

A Cada Novo Sonho



A cada novo sonho
o alimento do desejo
pronto para ser vivido
com muita aventura
a perder-se no Mundo
embriagando-se de loucura
apenas de um tempo
que se faz realidade
cumprindo um destino
da sua própria verdade.


Celso Ant. Dembiski

Como a Pena



Por vezes, sou como a pena
que simplesmente flutua
sem conhecer seu destino
seguindo um rumo qualquer
impulsionada pelo vento.

Por vezes, sou como a pena
que presa não sai do lugar
enroscada em algum canto
não tem força para vôo alçar
se não tiver ajuda, ali vai ficar.

Por vezes, sou como a pena
pareço estar nas alturas
indo de um lugar a outro
sem ter com que me preocupar
apenas, deixando o vento levar.

Por vezes, sou como a pena
preciso de um sopro mais forte
pois, não sei se estou preparado
se irei voar alto ou caio raso
sinto que tenho de me preparar.

Celso Ant. Dembiski

Prazer da Liberdade



Pelo simples prazer de poder viver
correndo a minha vida inteira
de um lado a outro, sem bandeira
não tendo nada para esconder.

Não importa por quais caminhos
pois, me leva a lugares distantes
como único amante e sem rompantes
a poder realizar meus diversos sonhos.

Em um Mundo que me proponho
a conhecer minha vida a fundo
para o qual abro o coração fecundo.

Livre a voar e trilhar, pessoa amada
como o vento que não tem parada
só para curtir o prazer da liberdade.

Celso Ant. Dembiski