quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Dúvidas e Dilemas



Eu tenho tantas duvidas
pois, são tantos meus dilemas
minha mente, apenas vagueia
por serem muitos, os pensamentos
que por vezes até me perco
não sei que rumo tomar
tampouco, o que devo fazer
assim, fico eu a pensar
desnorteado, sem ação
e por mais que eu tente
paralisado, tentando reagir
buscar alguma solução
para sair do meu marasmo
e as dúvidas eu dissipar
acabando com meus dilemas
sem começo, meio e fim.

Celso Ant. Dembiski

De Bem com a Vida



Como é bom estar alegre
poder desfrutar da vida
aproveitar todos os momentos
livre de qualquer aborrecimento
dentro dos mais puros sentimentos
alimento que me enriquece
deixa minha alma mais leve
tudo de forma consciente
dentro do meu íntimo discreto
apenas o que faço é viver
sem medo de ser feliz
quero poder sempre construir
aprendendo a cada instante
ensinando a qualquer tempo
de forma alegre e justa
vivendo as minhas conquistas
alegre e de bem com a vida.

Celso Ant. Dembiski

Deixar ou Tirar



Não adianta querer disfarçar
por terra, tudo veio à tona
muito menos queira lamentar
depois do ensaio vem a cena.

Sua vida, há você pouco importa
brinca como se nada existisse
feito um barco que está a deriva
como se a tudo também resistisse.

Deixe que essa tua máscara caia
ela esconde este teu semblante
assim, posso ver o teu rompante.

Venha viver a uma nova realidade
não se esconda da pura verdade
tire a máscara, ela já não te adianta.

Celso Ant. Dembiski

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Que Olhar é Esse!



Que olhar é esse!

Que tanto me devora
penetra meus sentimentos
chega a me arrepiar
sisudo, me paralisa
não sei o que dizer
muito menos o que fazer.

Que olhar é esse!

Que tanto me extasia
meu peito fica agitado
deixando-me estabanado
perco até o rumo
não consigo ficar no prumo
sinto-me tão embriagado.

Que olhar é esse!

Que tanto me escraviza
num brilho tão intenso
penetra em minha alma
tirando-me o sossego
eu o encaro sem medo
nele vejo a sedução.

Que olhar é esse!
Que tanto me desnuda
entra nas minhas entranhas
feito uma louca magia
toma conta do meu coração
com um brilho intenso
invade-me de tanta paixão.

Celso Ant. Dembiski

O Brilho da Minha Estrela



A estrela mais brilhante escondida
habita dentro do fecundo coração
lá tudo fica tão latente guardada
e só sente quem tem minha paixão.

É como uma luz a poder guiar
o alimento puro que tema alma
na mais doce sensação do paladar
esse é o grande sustento que acalma.

De uma grandeza e tão rara beleza
que neste justo coração só gera gentileza
não existe forma para ser medida.

Onde está a maior riqueza do Mundo
a sete chaves no peito fica guardado
só mesmo o amor pelo ser amado.

Celso Ant. Dembiski

Na Corda Bamba



Todos os dias um grande dilema
o que primeiro eu deveria resolver
vivo em sociedade, num sistema
outras pessoas acabam por se envolver.

Devo lutar a cada instante da vida
ir em busca do precioso sustento
procurando andar sempre para frente
sem ficar digerindo qualquer lamento.

No mesmo caminho todos os dias
já conhecia meus trejeitos e manias
indo e vindo sempre na mesma linha.

Dessa forma eu precisava me equilibrar
na ponta dos pés até tentei caminhar
verdade mesmo, eu estava na corda bamba.

Celso Ant. Dembiski