terça-feira, 19 de novembro de 2013

Que Olhar é Esse!



Que olhar é esse!

Que tanto me devora
penetra meus sentimentos
chega a me arrepiar
sisudo, me paralisa
não sei o que dizer
muito menos o que fazer.

Que olhar é esse!

Que tanto me extasia
meu peito fica agitado
deixando-me estabanado
perco até o rumo
não consigo ficar no prumo
sinto-me tão embriagado.

Que olhar é esse!

Que tanto me escraviza
num brilho tão intenso
penetra em minha alma
tirando-me o sossego
eu o encaro sem medo
nele vejo a sedução.

Que olhar é esse!
Que tanto me desnuda
entra nas minhas entranhas
feito uma louca magia
toma conta do meu coração
com um brilho intenso
invade-me de tanta paixão.

Celso Ant. Dembiski