terça-feira, 19 de novembro de 2013

Na Corda Bamba



Todos os dias um grande dilema
o que primeiro eu deveria resolver
vivo em sociedade, num sistema
outras pessoas acabam por se envolver.

Devo lutar a cada instante da vida
ir em busca do precioso sustento
procurando andar sempre para frente
sem ficar digerindo qualquer lamento.

No mesmo caminho todos os dias
já conhecia meus trejeitos e manias
indo e vindo sempre na mesma linha.

Dessa forma eu precisava me equilibrar
na ponta dos pés até tentei caminhar
verdade mesmo, eu estava na corda bamba.

Celso Ant. Dembiski