quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Germinar



Todo amor é como a flor
nasce primeiro como botão
vem na semente e pequenino
florescendo no dia a dia.

No florir de cada sentimento
há um aumento dos desejos
fazendo em cada lampejo
à vontade de retribuir em beijos.

Como seguimos o nosso destino
a razão do nosso existir
fazendo de cada novo sonho
o brotar das flores no jardim.

No calor das emoções sentidas
as flores e os beijos correspondem
de forma única e especial
a grandeza que apenas o Amor tem.

Celso Ant. Dembiski