sábado, 9 de outubro de 2010

A Lua em Minha Vida



 Quando a noite chegar
depois que o sol se por
vou sair para caminhar
quando no alto despontar
a lua cheia a iluminar
que no esplendor do seu brilho
tocar os meus sentimentos
traçando caminhos no tempo
que me faz viajar acordado
buscando nos sonhos de outrora
a saudade que bate no peito
recordando maravilhosos momentos
como uma viagem sem fim
lentamente tudo vai passando
como um filme na tela
resgatando alegrias e sofrimentos
fazendo com que o peito vibre
por cada fase da minha vida
ali vividas no sub-inconsciente
olhando a lua que no alto fulgura
imponente e tão absoluta
quero te agradecer lua cheia
por me inspirar todos os dias.

Celso Ant. Dembiski