terça-feira, 18 de setembro de 2012

Folhas Secas




Sobre um mar de folhas secas caídas
que se formam como ondas coloridas
por todo caminho em que passo
até onde meus olhos conseguem enxergar
mostram apenas uma fase da vida.

Nas belas tardes de sol se pondo ao fundo
onde o reflexo expressa grande pureza
as folhas como madeixas largadas
que o vento teima transporta-las de lugar
formando montes e nichos da natureza.

Em meus olhos vislumbro tanta beleza
que mesmo espalhadas em qualquer canto
causam a impressão fantástica da vida
que exprimem nos ares desse mar de folhas
largadas feito um tapete a ser contemplado.

Já não são mais fortes em verde viscoso
agora fraquejadas em cores pardas amareladas
desmancham-se no farfalhar já sem vida
cumprindo mais um dos seus ciclos obrigatórios
para renovação do solo, as folhas secas caídas.


Celso Ant. Dembiski