quinta-feira, 1 de agosto de 2013

O Acaso



Do acaso do Mundo
o tempo é apenas efêmero
tudo que era distante
por vezes, estava tão perto
em caminhos tortuosos
encontrei grandes desafios
nos desatinos que enfrentei
mudei para poder viver
nas searas do destino
o tempo era marcado
passando até despercebido
nesse Mundo tão aguerrido
de amores e pudores
entre sonhos e realidade
a igualdade da busca
se perdia pela vida
na luta de poder buscar
o acaso da singela vida
perdida na distância
que se faz este Mundo.

Celso Ant. Dembiski