domingo, 23 de junho de 2013

Compartilhar



Eu quero todo seu amor
não importa como seja
preciso desse teu calor
nos lábios sabor de cereja.

Que este amor traga felicidade
alimento da nossa paixão
quero viver apenas a realidade
com batidas fortes do coração.

De uma forma tão irreverente
somos duas almas enamoradas
precisando viver livremente
mesmo que estejam ligadas.

Quando se entregam puras
caminham sempre lado a lado
no amor fazemos nossas juras
por tudo que é compartilhado.

Celso Ant. Dembiski