segunda-feira, 10 de janeiro de 2011

Meu Sentir



Aquele meu sentir
era tão franco
e por certo
que nem rumo tinha
apenas sei, eu sentia
não havia sul
muito menos norte
a brisa branda
chegava tranqüila
aguçando os sentidos
de olhos fechados
passei a viajar
por tão belo lugar
onde eu sentia
meu peito se agitar
buscando naquela alegria
poder retribuir
aquela doçura
que me fazia suspirar
você tão linda
de braços abertos
correndo para me abraçar
só ainda não sei
aquele meu sentir
quando este dia
realmente vai chegar.

Celso Ant. Dembiski