segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Dramas




Quantos dramas fazemos
construindo muros imensos
escondendo muitos sonhos
entre tantos alicerces
alguns são bem profundos
cavados no subconsciente
deixando ali perdidos
para história não virar
morrem sem ao menos tentar
desejos insatisfatórios
então porque explorar
vivendo sonhos sem vida
continuamos a dramatizar
dos improváveis medos
dessa vida vivenciar
porque somos imperfeitos
temos medo de amar
descobrindo os sonhos
o que a vida nos ensinar
ao não querermos acreditar
porque somos dramáticos demais.

Celso Ant. Dembiski