domingo, 22 de novembro de 2009

Fragilidade




Em nossa fragilidade
tantas são as vontades
uma delas é chorar
vontade de sumir
outras de ir embora
de tantos problemas que temos
a vida nos prega muitas peças
dentre as angustias que sentimos
desejamos sanar cada uma delas
buscando sempre o melhor
mesmo que seja distante
num lugar tão diferente
longe daqueles que amamos
que por vezes
nem assim enxergamos
ficamos a flor da pele
por coisas tão banais
que quando caímos em si
muitas coisas, já fizemos
certas ou erradas
isto já não importa
enquanto não mudarmos
continuaremos do mesmo jeito
com medo de mudar
a fragilidade maior será.

Celso Ant. Dembiski