segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Amor Não Correspondido




Amor não correspondido
amor que nunca vivi
dei tantas esperanças
nem mesmo sei porque
alimentando um coração ferido
sem saber porque o fiz.

Amor não correspondido
amor que foi desprezado
não entendi como aconteceu
mas assim ele se deu
quando vi já era tarde
meu coração não correspondeu.

Amor não correspondido
amor que nunca sonhei
busquei te dar conforto
em meus braços acalentei
foi por puro carinho
minha amizade compartilhei.

Amor não correspondido
amor que um só amou
insistia em querer amar
numa loucura quase insana
buscava nas fortes emoções
conquistar seu coração.

Amor não correspondido
amor por mim também vivido
sonhava ser tão verdadeiro
que eu pensava ser comprometido
imaginei-me tão facilmente
quando vi estava perdido.

Amor não correspondido
amor que se deu por alguma razão
na troca de carinho e atenção
eu, você e, tantos outros se iludiram
achando que éramos correspondidos
um amor impossível de ser vivido.

Celso Ant. Dembiski