quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Busca do seu Deserto




Por um turbilhão de sensações
grande é o deserto das ilusões
nada é por acaso
quando se busca respostas
sedento em tantas perguntas
a procura se faz necessária
quando se quer encontrar
em meio a um infinito deserto
procuro pela minha alma gêmea
tantos são os desencontros
seguimos por rumos diferentes
quem sabe mais à frente
esse encontro aconteça
enquanto estou nesta busca
percorro nos infinitos sonhos
um destino as minhas emoções
talvez assim eu encontre
o caminho da minha busca
e as respostas que procuro
para assim poder entender
enquanto a vida está a passar
entre amores e desamores
em grande deserto a desvendar.

Celso Ant. Dembiski