quinta-feira, 24 de setembro de 2009

Mistérios




Quanto mistério nos ronda
centenas deles pelo Mundo
que nos faz repensar
quando algo está, a nos incomodar
sem saber o porque
também somos um enigma
como as tempestivas nuvens
que por tantas vezes tão serenas
que tanto nos intriga
iguais aos pensamentos
que passam como um flash
deixando os sentidos indefinidos
que nos fazem questionar
como não ir mais além
pelo medo do que iremos encontrar
tentando querer decifrar
mesmo em noite enluarada
com milhões de estrelas cintilantes
espalhadas pelo firmamento
estamos nós a imaginar e sonhar
será que existe outros Mundos!
o que de interessante pode haver!
nossa imaginação querendo desvendar
como também o pote de ouro
no fim do arco-íris enterrado
quanta magia nos envolve
por isto que ficamos a sonhar
e os mistérios da vida
a todo instante surgindo
e nós, pobres mortais
querendo sempre poder desvendar.

Celso Ant. Dembiski